Translate

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013


Reunião do Comitê Contra
Ata: Belchior

Cerca de 70 pessoas ligadas a cerca de 40 organizações, além de independentes, participaram da reunião.

Dos encaminhamentos:

MUNICIPAL - SP

Pautas Principais:
Operação delegada e Bancada da Bala na Camara de Vereadores – Organizar ações de denúncias;

Programa Juventude Viva: Estudar o programa e avaliar em que pode ser útil, em que pese as críticas e limitações já colocadas à iniciativa;

Diálogo novo secretário da segurança do município e retorno da primeira conversa já promovida pelo COMITE em Dezembro/12;

Diálogo com novo Secr. D.H., Sotilli e promoção de Audiência Pública que reúna Secr. Seg, D.Humanos, Conselho de Direitos humanos da Câmara.
 
ESTADUAL - SP

Fim do 'auto de resistência seguido de morte´ é vitória do movimento, mas casos precisam ainda ser considerados como homicídios; Elaboração de Carta/Manifesto de apoio a medida com essa ressalva;

Luta política permanente pela CPI polícias/milícias e Impeachment do Alckmin;

Cobrança imediata da resposta ao documento protocolado em Outubro/13, dirigido à Secr. Seg. Pública.

Retorno das articulações na ALESP no sentido de dar vida a proposta de CPI e organização de uma Audiência Pública sobre o Tema da Violência do Estado

Pautas Permanentes: Desmilitarização e Fim da PM/Rota; Combate a politica de encarceramento em massa; Denuncia às operações de repressão Saturação e outras; Cobrança pela identificação dos corpos e possíveis torturas; mapeamento de desaparecidos (há relatos na Zona Sul, entre outras.


NACIONAL

Cobrança da Audiência pública com presença do ministro da Justiça Zé Eduardo Cardoso;

Apoio e acompanhamento ao PL 4471 que dá fim aos AUTOS DE RESSISTENCIA em todo país.

Articulação Nacional dos Comitês e grupos de denuncia ao Genocídio em todo País


MOBILIZAÇÃO

Organização de Seminário dos Movimentos sobre o tema do genocídio/ Violência do Estado;

Organização e fortalecimento da rede de apoio às famílias de vitimas do Estado.

ATO UNIFICADO com demais Comitês no dia 25 de Janeiro – Praça da Sé

SOBRE OS GRUPOS TRABALHO (GTS)

São três os GTS que precisam que os compas incorporem:

GT de Comunicação (Pra dentro e pra fora do Comitê)

GT Institucional (Relação com poderes, órgãos e organizações)

GT Mobilização (Relação entre movimento e organizações politicas/sociais, formação, debates, atos, reuniões, etc)

Trabalho pontual (até agora) - Finanças para o Comitê e apoio às famílias de vítimas - cria-se novos GT's ?

PRÓXIMA REUNIÃO – TERÇA, 22/01 - 19H – SIND. ADVOGADOS (MESMO LOCAL)

Nenhum comentário: