Translate

terça-feira, 9 de outubro de 2012


Registro da Reunião e Plano de Trabalho da Campanha
Presentes: Pedro Oliveira (Cine Campinho / IPJ); Pirata (Forum Hip Hop); Hildebrando (professor); Pedro Aguerre (Escola de Governo); Wellington (Força Ativa); Vanessa (Comitê Contra o Genocídio); Joelma (Canal Futura); Ailton (professor universitário; Haidée Fiorino  (Núcleo de Consciência Negra); Sandro Lobato (Forum Hip Hop); Gabriel Di Pierro (GT Juventude da Rede Nossa São Paulo); Juliane Cintra.

1)      Realização das atividades:
 Ø  25 de Outubro – encontro da Campanha na região Leste com entidades, grupos e lideranças. Local e horário a definir.
Objetivo: reunir pessoas para apresentar a Campanha e informações que justificam a ideia de genocídio, colher depoimentos, receber adesões, gerar multiplicadores.
Necessidades: articular com organizações e divulgar; produzir materiais (panfletos e outros), montar apresentação, viabilizar estrutura de som e vídeo para local.
Responsáveis: Vanessa, Hildebrando, Pedro Oliveira, Wellington
Ø  Semana 19 a 24 de novembro – encontro com alunos do Ensino Médio. Local: possivelmente um CEU, horário a definir.
Objetivo: reunir jovens da regiãoa partir das escolas de ensino médio para apresentar a Campanha e informações que justificam a ideia de genocídio, colher depoimentos, receber adesões, gerar multiplicadores.
Necessidades: articular com Apeoesp e escolas da região, liberação dos alunos, transporte, espaço de um CEU (estrutura de som e vídeo incluídas).
Responsáveis: Vanessa, Hildebrando, Pedro Oliveira, Wellington
Obs: Ação Educativa mantém projetos com escolas da Leste em 2 projetos – NEPSO e Tô no Rumo.
Ø  Semana 26 a 30 de novembro – Audiência Pública na Assembleia. 
Objetivo: manifestar repúdio à política de segurança, protocolar Carta Manifesto com propostas, dialogar com governo e legislativo.
Necessidades: articular com Comissão de Direitos Humanos para definir dia e horário; articulação com organizações, redes e movimentos (para que estes mobilizem também na semana da Consciência Negra);

Embora tenhamos priorizado a região leste, pela adesão de pessoas e entidades, é necessário que sejam feitas ações em outras regiões. Para isso precisamos de pessoas disponíveis para reunir lideranças e difundir a ideia, ajudando na organização. Além disso, é possível ajudar indicando e fazendo a ponte com outras lideranças que possam se interessar. 

2. Desenvolvimento de materiais e estrutura de campanha
a) Página no Facebook: a fazer
b) Panfleto: aprovar a versão e imprimir (definir que poderá contribuir financeiramente)
c) Carta Manifesto para assinaturas (organizações, redes e grupos organizados): ok
d) Logo: o principal, ok, poderão ser feitos novas versões.
 e) Blog: discutir se vamos fazer
f) Carta / petição para assinaturas online: definir se faremos
g) Carta impressa para assinaturas pessoa física: (versão reduzida da carta?)
h) gestão do e-mail juventudenegravive@gmail.com: a definir pelo menos mais 2pessoas responsáveis (atualmente só o Gabriel está moderando)
Responsáveis: Pirata, Juliane, Danilo, Gabriel e outros

3. Mobilização e parcerias:
a) Parceria com Comitê Contra Genocídio da Juventude Negra – Vanessa e Ailton apresenta em reunião do Comitê dia 10 (Vanessa informar local e horário para interessados da Campanha). Objetivo: traçar se há possibilidade de desenvolver ações comuns e apresentar a Carta Manifesto para verificar se é possível uma adesão ou se é necessário rever algum aspecto (deixar claro que a estrutura está construída com um conjunto de parceiros e já sofreu modificações; também esclarecer a necessidade de manter o foco na política de segurança pública e encarceiramento).
b) Parceria com outras representações do Movimento Negro. Levantar entidades e fazer contato. Gabriel fará contato com Geledes.
c) Parceria com movimentos de Direitos Humanos e que discutem política carcerária / de segurança pública:
2 Outubro / Mães de Maio / Movimento Nacional de Direitos Humanos/ Pastoral carcerária / etc. Verificar quais já estão cientes e se estão de acordo em aderir à Carta.
d) Órgãos Públicos
Defensoria Pública / Ministerio Público Federal / Condepe / Comissão de DH da Assembleia / Frente Parlamentar de Juventude de SP
Fazer parceria com MPF, Defensoria e Condepe para recebimento de denúncias (já está pré firmada). Saber do andamento da audiência de julho e próximos passos, vendo qual a nossa contribuição. Saber como está sendo construída a audiência prevista para 10 de dezembro.
Responsáveis: Ailton, Gabriel e Vanessa (ver mais pessoas disponíveis)

Próxima reunião será dia 17 de outubro, 18:30h, na Ação Educativa.

Nenhum comentário: