Translate

segunda-feira, 23 de julho de 2012

MUSICA RIMADA NO EVENTO DO DIA 18/07 CONTRA O GENOCIDIO DA JUVENTUDE NEGRA


Fantasmas Vermelhos
Música: Hip hop contra o genocídio da juventude preta
Coletânea: Fórum de hip hop
Letra e vocal: Tito e Poiètikè AK-47

Pleno de sermos mortos, a cada esquina uma contagem de corpos,
Plenos de sermos frágeis trincam como vidros humanos descartáveis,
Plena cidadania, plena democracia, plena hipocrisia,
Plena demagogia, Plena cidadania, plena democracia,
Plena hipocrisia, plena demagogia...

Lado leste, ruas esburacadas escuras
A perna treme, o sangue gela: viatura
Becos, vielas tet a tet um fuzil um arrombado.
Um gatilho apertado, capsula pra todo lado.

Famílias protagonizam, noticiários
Serviço de proteção à vítima fracasso,
Grupos de extermínios fardados,
Militares respondendo processos afastados.
Vermes! Impedidos vão exercer outra função,
Corregedoria vista grossa a corporação.

Opção de lazer, opressão apavora,
Lixo, reproduzido polícia 24 horas.
A impressão é que estamos sitiados,
Até o caveirão circula no nosso bairro,
Canil, fuzil, batalhão carreata,
A burguesia conspira, mas a polícia que mata.

No Rota comando, Conte Lopes ameaça,
Nos guetos, nas valas é ossada ou é carcaça.
Corpos estirados no chão, direitos humanos na mão,
Quem policia a polícia” não é o “pacato cidadão”.

O racista ironiza “mania de perseguição”
Tiro na nuca não significa resistir à prisão,
É um projeto de extermínio à população... PRETA!

Pleno de sermos mortos, a cada esquina uma contagem de corpos,
Plenos de sermos frágeis trincam como vidros humanos descartáveis,
Plena cidadania, plena democracia, plena hipocrisia,
Plena demagogia, Plena cidadania, plena democracia,
Plena hipocrisia, plena demagogia...

Em plena democracia do estado de direito,
Nosso povo é massacrado e permanece o desespero.
Confinados nos extremos e sem perspectivas,
Milhares de jovens pretos assassinados pela polícia.

Política racista, periferias vigiadas,
Vários bairros e varias tretas, famílias despejadas,
Favelas ocupadas, encurraladas pela polícia.
Projeto na cracolândia revela a nova eugenia.

Agora, agora me diga, o que isso significa,
A expressão penal do estado genocida, capitalista,
Que mantém a opressão, que degrada o trabalho explorando nossos irmãos.

Qual a conclusão, controle da população,
Da classe trabalhadora que não resiste à opressão,
Estado democrático de direito penal,
Democracia que assassina em prol do kapital.
Desemprego, racismo fome, miséria social,
A face genocida intrínseca ao kapital.

Não basta integração na sociedade de classes,
Não basta cotas nas universidades,
Não adianta acreditar nesses partidos políticos,
Fantasmas vermelhos hip hop contra o genocídio.

Pleno de sermos mortos, a cada esquina uma contagem de corpos,
Plenos de sermos frágeis trincam como vidros humanos descartáveis,
Plena cidadania, plena democracia, plena hipocrisia,
Plena demagogia, Plena cidadania, plena democracia, plena hipocrisia, plena demagogia...

Nenhum comentário: