Translate

terça-feira, 27 de junho de 2006

ATA Reunião Extraordinária do “Fórum Hip Hop e o Poder Público Municipal” juntamente com o Secretário de Participação e Parceria.

ATA Reunião Extraordinária do “Fórum Hip Hop e o Poder Público Municipal” juntamente com o Secretário de Participação e Parceria.

Aos dezenove dias do mês de junho do ano de dois mil e seis, ás dezenove horas na sede da coordenadoria de Juventude do Município de São Paulo, situada na rua Líbero Badaró, 119, reuniram-se: os integrantes do Fórum, sob a coordenação de André Luiz dos Santos, juntamente a Walter Roberto representante do Secretário José Police Neto – que por motivos de trabalho não pode comparecer, ainda como convidado de Walter participou Guillherme (?) e Sandra (?) secretária da Coordenadoria da Juventude.
André Luiz dos Santos iniciou as discussões item por item:

1 - Fez a leitura da pauta, anterior a chegada dos representantes da Secretária de Participação e Parceria.

2 – Com a chegada do representante do Secretário, Walter Roberto, Guilherme e a secretária Sandra (?) inicia-se a reunião.

2.1. Walter Roberto, apresenta-se, como coordenador geral das Coordenadorias da Prefeitura de São Paulo.
Tem como projeto um maior diálogo entre as coordenadorias. Tem o projeto de trazer uma nova linha para a Secretária de Parceria e Participação, acompanhada da comunhão das coordenadorias. Deseja criar eventos que congreguem as coordenadorias.

2.2. André Luiz dos Santos apresenta o conteúdo, significado e importância do “Fórum Hip Hop e o Poder Público Municipal” aos convidados, justificando o que é o Fórum, o seu objetivo, seus projetos. A difusão do Hip Hop, a importância da cultura Hip Hop em São Paulo e principalmente para a periferia.

2.3. André Luiz dos Santos, inicia a leitura dos documentos que serão entregues à Secretaria de Participação e Parceria, no intuito de explicar o projeto que o Fórum está propondo a ação desta prefeitura, o projeto:
· Composição da equipe de trabalho
· Projeto simultâneo 22 anos de Hip Hop em São Paulo e Agosto Negro
· Encontros Temáticos
· Recomendação indicativa de políticas públicas sobre a Virada Cultural
· Calendário Municipal do Hip Hop da Cidade de São Paulo.

Fórum: 22 anos de Hip Hop, o Hip Hop não é cúmplice da violência, autonomia da cultura para os excluídos, unindo ao agosto negro pela sua importância na história. Idéia da história do Agosto Negro é que onde estejam pessoas marginalizadas, ele esteja junto.
Fórum propõe a este próximo Agosto em São Paulo debates para discussão da desigualdade, preconceito racial e estereótipo do meliante, entre outras. Esclarecendo assim o que é para o Fórum o evento Agosto Negro.
· Estratégia de parte de o evento ser nos CEU’S pouco assistidos
· Discussão na OAB, na Câmara, na Usp. Não será enfrentamento, será debate! O Fórum é apartidário!
· Galeria Olido e Feira na São João.

Fórum: Recomendação de Políticas Públicas, Virada Cultural como políticas públicas. Maior acesso à cultura. A cultura hoje em São Paulo é para quem? Reconhecer, com essa política a cultura de cada lugar. Esclarecimento: A coordenadoria é parte do Fórum , é também constituidor.

Walter Roberto: pede maior esclarecimento das moções elaboradas pelo Fórum.
Fórum explica a história, e os procedimentos das moções.

Walter Roberto: pergunta se os nomes para estagiários do Fórum foram indicados pelo Fórum.
Fórum: afirma que sim.

Fórum: Encontros Temáticos, discussão de políticas públicas. Busca de maior esclarecimento dos papéis e estruturas da organização e projetos da prefeitura de São Paulo.
Guilherme: questiona se não é interessante fazer isso nas sub prefeituras também?

Fórum: Sobre os eventos, propor que São Paulo seja a Capital do Hip Hop, busca deste reconhecimento. Assim, criar a Agenda do Hip Hop, trabalho que não é apenas importante para o Hip Hop, mas para toda a cidade de São Paulo.

Walter Roberto: suas considerações sobre os projetos apresentados:
Tudo o que estiver ligado à juventude é quisto pelo Hip Hop participar.
Fórum: Essa é a importância do Hip Hop – como cidadania – reconhecimento das ações para a Juventude e para toda a cidade de São Paulo. E o Hip Hop reconhecido por São Paulo
Walter Roberto: As subprefeituras, a sociedade, o governo em geral não sabem a importância do Hip Hop. Considerar o Secretário de Participação e Parceria como elo entre a sociedade e o governo. Um canal para chegar às subprefeituras.
Está é uma secretária nova, que tem problemas de infra-estruturas, mas consegue fazer elos, conscientizando as demais secretarias da importância da juventude
Secretário atual, experiência com cultura local, que está junto à coordenadoria de juventude que também está pensando na importância da cultura local.

Fórum: Precisamos do aval da Prefeitura para o Agosto Negro: Infra-estrutura garantida, Liberdade do uso da secretária e custos garantidos.
Walter Roberto: Qual o tempo hábil para a resposta do Secretário?
Fórum: o mais rápido, visto que, precisamos do material para divulgação até 05 de julho.
Walter Roberto: compromete-se reunir com o Secretário em regime de Urgência para nos dar em breve a resposta.
O CEU’S, como estão divididos, em regiões, para o Agosto Negro? Qual o critério de escolha?
Que estrutura tem a prefeitura para os eventos? Preocupação com as demais atividades que a coordenadoria desenvolve. Propõe a criação de uma sala na coordenadoria para as atividades de eventos.
Sobre o Agosto Negro, o representante lembra que tem uma empresa particular de eventos e pela sua experiência, vê o projeto do evento como coerente.
Ele termina sua fala comprometendo-se, novamente, a reunir-se com o Secretário amanhã (20/06) para passar a demanda e resolver isso rápido.

3- Com a saída dos convidados, os integrantes do Fórum debatem a reunião que acabou de seguir.

4- André Luiz dos Santos deu por encerrado os trabalhos e foi deliberada a data de 26 de junho às 19 horas para o próximo encontro do Fórum “Hip Hop e Poder Público Municipal” na Secretária Especial de Participação e Parceria.

Nenhum comentário: